Você tem habilidade com as mãos, uma mente criativa e o artesanato é a sua paixão? Então, fique sabendo que esta pode ser a sua profissão. É possível sim ganhar a vida comercializando artesanato, desde que você perceba quais são as principais demandas e as formas mais adequadas para vender o seu produto. Existem várias maneiras de vender artesanato feito à mão, seja online ou presencialmente.

Se você optar por vender artesanato online, escolha por lançar um e-commerce próprio. É a forma mais prática de ter controle total sobre o seu negócio, com a possibilidade de criar promoções, oferecer descontos ou fornecer produtos personalizados. Mas se você está apenas começando e quer primeiro conferir onde está pisando, pode iniciar as vendas por meio de outras plataformas online.

PRIMEIRO É PRECISO QUE DESCUBRAM VOCÊ

Seja vendendo pessoalmente ou online, você precisa divulgar seus produtos e a sua imagem de artista. Principalmente no momento de comprar itens feitos à mão, as pessoas gostam de sentir uma conexão com o artesão.

Ao vender em uma feira ou loja, forneça cartões de visita profissionais, criados e impressos com qualidade. Tenha também uma espécie de cardápio contendo listagem e preços dos seus produtos.

Crie uma página de vendas profissional que as pessoas possam visitar e conhecer o seu trabalho e utilize as redes sociais intensamente, pedindo sempre a contribuição dos amigos e familiares para compartilhar suas postagens.

Enfatize o atendimento personalizado ao cliente, não importa onde a venda seja realizada. Envie pedidos rapidamente e deixe seus dados de contato em caso de dúvidas. Considere configurar um sistema de reembolso, troca ou reparo.

O MUNDO É DIGITAL E SEUS CLIENTES ESTÃO ONLINE

Foi-se o tempo que artesãos precisavam apenas de feiras para vender seus produtos. Agora, a internet atua como uma feira virtual permanente se você souber usá-la de forma assertiva.

O site etsy.com é provavelmente o mais conhecido entre muitos que se concentram na venda de itens feitos à mão e onde é possível criar uma pequena loja online. Outra opção, é o artfire.com, que concentra itens exclusivos e presentes feitos à mão para ocasiões especiais. Além do Mercado Livre, que é sempre uma boa opção para vender bem. Aproveite as vantagens criando um nome, logotipo, imagens e uma descrição atraentes do seu negócio e dos itens que você está vendendo.

Fotos com qualidade profissional de seus itens agora são o padrão em sites de varejo. Aproveite o tempo ou invista em um profissional para obter as melhores fotos de seus produtos.

Se você é novo em SEO, deve entrar neste universo, porque vai precisar trabalhar bem as palavras-chave nas descrições e artigos, além de escolher os títulos e tags corretos para redirecionar o tráfego para sua loja a partir dos mecanismos de pesquisa.

FORNECER SEUS PRODUTOS PARA LOJAS É UMA OPÇÃO eA CONSIDERAR

Em vez de tentar competir com outros vendedores, menores ou maiores, tente trabalhar em parceria. A qualidade de seus produtos e o volume de demanda devem formar uma combinação lucrativa.

Da mesma forma que acontece com as feiras de artesanato, você pode querer começar pequeno e local para elevar e determinar com mais precisão a viabilidade de seus produtos.

Descubra primeiro sobre as empresas em sua área que se concentram na venda de artesanato. Em seguida, pense nos varejistas que vendem produtos comparáveis ​​aos seus.

Prepare seu discurso de vendas para gerentes de loja. Se puder fornecer a eles informações específicas sobre suas projeções de vendas, lucros previstos etc., aumentará suas chances de sucesso.

SE DEPENDER DA METALLICA ACESSÓRIOS, VOCÊ VAI FATURAR MUITO

Para que o seu sucesso de vendas seja completo, escolha entre as infinitas opções de acessórios para artesanato Metallica, para dar charme, elegância e valor ao seu trabalho. São dobradiças, fechos, puxadores, ganchos, alças, apliques, cantoneiras, pezinhos e tudo mais o que você puder imaginar em detalhes decorativos, nos mais diferentes estilos e modelos. Acesse agora mesmo www.metallicaacessorios.com.br, faça o seu pedido e comece a contabilizar os lucros!

Deixe uma resposta